3Julho2012

Que escolher um gato ou uma gata?

Postado por na categoria: Conduta; Gato.

que escolher um gato ou uma gata

Esta eleição, se um gato ou uma gata, só dependerá da predileção da futura proprietária do animal.

Contudo deverá saber que cada sexo tem um comportamento diferente. Dize-se que as fêmeas são mais carinhosas que os machos e mais caseiras, mas isto, na realidade, as vezes difere em muitos casos.

Muitos afirmam que os machos geralmente saem da casa na etapa da puberdade em busca de fêmeas e a marcar o seu território. Não é aconselhável um macho não castrado em uma casa, se não queremos ter desagradáveis surpresas.

Ler todo oartigo »

0 

3Julho2012

A dieta do cachorro

Postado por na categoria: Alimentação; Cachorro.

a dieta do cachorro

Entre os primeiros 12 e 24 meses os cachorros realizam um processo de crescimento muscular e ósseo. Por isso é fundamental optar por uma nutrição adequada.

Quando um cachorro chega a casa, uma das primeiras questões que há que resolver é o que dar-lhe para comer. Nesta primeira etapa, a alimentação é um dos pilares do crescimento.

Enquanto são pequenos, os cachorros realizam todo seu desenvolvimento ósseo e muscular. O processo dura entre 12 e 24 meses, segundo a raça. Por isso, neste período tem maiores necessidades nutricionais. Uma dieta adequada radica em conseguir um equilibro entre os nutrientes que precisa seu organismo: proteínas, gorduras, minerais, fibras e vitaminas.

Ler todo oartigo »

0 

3Julho2012

Um loro deixa atônitos aos científicos

Postado por na categoria: Aves; Conduta.

N´kisi

N´kisi tem a capacidade de pôr as palavras em contexto. Fala e muito.

Quando não encontra a palavra adequada, inventa, pode se comunicar telepaticamente e como se tudo isso fosse pouco, também tem sentido do humor.

Não se trata de um robô de ultima geração senão que nada mais e nada menos que de um extraordinário loro cuya habilidade deixou atônitos aos científicos.

Ler todo oartigo »

0 

3Julho2012

10 dicas para que o seu loro fale

Postado por na categoria: Aves; Conduta.

10 truques para que seu loro fale

Para a maioria de seus donos, a máxima virtude dos loros é sua inteligência. Os loros tem a capacidade de imitar os sons e as palavras que escutam. Veja algumas sugestões praticas para que você lhe ensine a seu animal de estimação e que ele aprenda:

  • As lições não devem exceder de 10 a 15 minutos. Mais desse tempo não servirá para nada, somente para que ambos se aborreçam.
  • Deverá esta a sós com o seu loro; tente de que não sejam interrompidos.
  • Desligue a televisão e a radio durante as lições de entretenimento.
  • As aves jovens aprendem mais rápido, mas as velhas também o podem fazer, com um pouco mais de tempo e paciência.
  • Retire da gaiola todos os brinquedos e também a comida.
  • Não tente ensinar-lhe a falar a dois loros ao mesmo tempo; não conseguirá.
  • Comece com palavras ou sons simples como por exemplo o seu nome.
  • Não se frustre. Tenha em conta que eles aprendem mais rápido as palavras e sons que lhe resultem mais agradáveis. Com tempo repetiram todo o aprendido.
  • As aulas não têm um termino fixo de tempo.  Podem perdurar de um mês a um ano e algumas vezes mais. Uma vez que pronunciem sua primeira palavra aprenderão o resto com mais facilidade.
  • Use diferentes tonos de voz, porem para o loro o som será mais agradável e por tanto estará mais disposto a imitar sons.

Ler todo oartigo »

0 

12Junho2012

Cuidado dos cachorros no verão

Postado por na categoria: Cachorro; Cuidados.

cuidados-dos-cachorros-no-verao

Como todos sabemos, quando chega o verão devemos tomar medidas especiais com nossos animais de estimação. As altas temperaturas e as condições quentes do ambiente os afetam de maneira negativa. Por isso, vamos lhe recomendar algumas medidas básicas para levar em conta no verão.

O primeiro que devemos levar em conta é que devemos evitar o suor do cachorro. Por exemplo, deve-se ter muito cuidado se deixamos o cachorro ao sol.

Não se esqueça que quando respiram ar quente podem se asfixiar. Assim mesmo, se notares que respira a maior velocidade do que a normal em momentos em que está ao sol, leve-o a um lugar com sombra e que beba muita água.

Ler todo oartigo »

0 

12Junho2012

Como evitar as doenças dos peixes tropicais?

Postado por na categoria: Peixes; Saúde.

como-evitar-as-doencas-dos-peixes-tropicais

O método mais eficiente para evitar doenças dos peixes tropicais consiste na observação e controle sistemático das condições que apresentam tanto a água do aquário como os peixes que habitam no seu interior. Devemos observar o estado da pele, as escamas, as nadadeiras dos peixes e sua conduta. Se há brigas habituais entre alguns peixes, é conveniente falar com um especialista, porque é possível que sejam incompatíveis.

Antes de introduzir novos peixes, rochas ou plantas no aquário devemos nos informar e tomas as os cuidados necessários para que não se produza nenhum tipo de anomalia, como a morte de algum peixe o que a água se suje. É recomendável que tenhamos, em todo momento, os produtos químicos indicados pelo especialista, tanto fungicidas e bactericidas como aqueles que evitam as diferentes doenças (ponto branco) que podem se manifestar.

Ler todo oartigo »

0 

12Junho2012

O esquilo: seus cuidados

Postado por na categoria: Alimentação; Conduta; Exóticos.

o-esquilo

Quando decidimos comprar um esquilo para ter em casa devemos ter em conta uma serie de considerações. Dado que não é um animal de estimação muito comum, seus cuidados também serão especiais.

Devemos ser conscientes de que são animais muito revoltosos e nervosos. Alem disso não são muito amigáveis e são mais difíceis de tratar e educar que outras mascotes. O que também é verdade, é que são muito divertidos, e se os educamos bem, podemos passar momentos muito engaçados com eles.

O esquilo precisa cuidados diários. Com o qual devemos comprometermos a tudo isto antes de adquiri-lo. A gaiola deve ser grande já que ele gosta de percorrer território e escalar. Esta deve ter dentro uma casinha, uma roda, uma bebedeira e um pote para a comida, e deve se situar em um lugar com luminosidade sem exposição direta ao sol. Ler todo oartigo »

0 

12Junho2012

Conselhos para dar banho no seu gato

Postado por na categoria: Cuidados; Gato.

conselhos-para-dar-banho-no-seu-gato

Todos sabemos que a água e os gatos não são bons amigos. Mas sabemos que os gatos são animais muito limpos e que não precisam de uma higiene excessiva. Isto faz com que o banho não seja necessário de maneira frequente, mas é benéfico para evitar parasitos e eliminar a sujeira que não seja natural. Assim que já que o temos que realizar poucas vezes, vamos tentar fazê-lo da melhor maneira possível. Aqui lhe mostramos algumas dicas:

Acostume-os ao banho: se você dá banho no seu gato desde que chegou ao lar, irá se acostumando desde pequeno e não se surpreendera. O melhor será começar em seus primeiros meses de vida. Há gatos que incluso chegam a desfrutar com a água e passam bons momentos brincando.

Proteger seus ouvidos:  já sabemos que nosso gatinho tentará nos arranhar e não parará de se movimentar. Assim que proteger os ouvidos com algodão e pôr uma toalha para que não arranhe nos facilitará o banho.

Ler todo oartigo »

0 

12Junho2012

O Dogo Argentino

Postado por na categoria: Argentina; Cachorro; Conduta.

dogo-argentino

O Dogo Argentino é a primeira é única raça canina criada na Argentina. Surgiu graças ao doutor Antonio Nores Martinez, que cruzou varias raças puras com um cachorro de mistura entre Mastin, Bulldog e Bullterrier.

A intenção era conseguir um cachorro que reunisse uma serie de condições para que fosse apto para a caça maior de espécies depredadoras como o puma, o javali, o zorro, etc. Devia se adaptar as condições naturais do país, completamente diferentes as que existem nos cotos de caça européias.

Características do Dogo Argentino

Ler todo oartigo »

4 

23Maio2012

Terrier Australiano, um excelente animal de estimação

Postado por na categoria: Cachorro; Conduta.

Terrier Australiano

Este pequeno cachorro de origem australiano passou de ser usado para a caça de coelhos e ratas a ser um perfeito animal de companhia. Adapta-se muito bem as famílias, e é fácil de adestrá-los e cuidá-los.

Origem e procedência

Graças a seu grande sentido do ouvido, o “autralian terrier” foi usado como cachorro de caça de animais pequenos. Foi originado na Austrália no século XIX como fruto do cruzamento de raças. Como consequência desse cruzamento, o Terrier Australiano conserva a força e o pequeno tamanho de suas origens.

Ler todo oartigo »

0 

Navegar

Calendário

Fevereiro 2017
S T Q Q S S D
« Abr    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728  

Categorias

Links