8Junho2012

Vinhos na Espanha

Postado por na categoria: Espanha; Técnicas; Vinhos & drinques.

vinhos-na-Espanha

Agora a Espanha conta com um lugar com o serviço de guardar e custodiar vinhos, realizada pela bodega romana declarada Patrimônio Etnológico pela Junta de Castilla y León.  

Esta bodega tão particular é da empresa Vinarius e se localiza em Castellanos de Villiquera.

Na bodega os prezados e atípicos caldos repousam isolados de toda vibração e luz direta e em condições ótimas de umidade, temperatura e silencio.

Ler todo oartigo »

0 

5Junho2011

Conservas caseiras

Postado por na categoria: Técnicas.

O essencial quando queremos elaborar conservas caseiras é a limpeza dos potes que vamos usar. Os melhores recipientes para guardar conservas são os de vidro. Para esterilizá-los, se tem que ferver durante uns 15 minutos e logo escorrer bem e não tocar em nenhum momento o interior. E preferível usar potes de boca larga, com bordes grossos que resistam bem as temperaturas a 100º.

Uma opção para secá-los é introduzi-los boca para baixo no forno a temperatura media ate que estejam completamente secos. É conveniente usá-los enquanto ainda estiverem quentes, para evitar o choque térmico ao entrar em contato com alimentos recém preparados e, como precaução, convém evitar colocá-los sobre uma superfície fria porque ao contato podem se quebrar.

Um aspecto muito importante a ter em conta é o estado dos alimentos que vamos conservar, quer dizer que os alimentos devem estar frescos, nem verdes nem passados. No caso de legumes ou frutas frescas é conveniente que sejam mais ou menos do mesmo tamanho e se devem pôr em água fervendo e depois em água fria para fiquem duras e evitar que nas temperaturas inter medias se desenvolvam micróbios.

Ler todo oartigo »

0 

1Junho2011

O uso de ágar-ágar

Postado por na categoria: Técnicas.

Embora alguma vez tenhamos falado do ágar-ágar, nunca falamos em como usá-lo em casa. O ágar-ágar é um pó que se obtém de uma alga do mesmo nome e se usa para solidificar e como agente gelificante.

A primeira diferença que há na cozinha é que é uma gelatina de origem vegetal com um poder de solidificar dez vezes superior ao da gelatina que, geralmente, podemos comprar no super, que é de origem animal. Também não incorpora nem sabor nem cor a preparação em que o adicionamos.

Como usar ágar-ágar em casa

Ler todo oartigo »

0 

31Maio2011

Creme de pasteleiro

Postado por na categoria: Sobremesas; Técnicas.

Quantas vezes limos uma receita que tinha entre seus ingredientes creme pasteleiro e não há fizemos por não preparar o creme. Mas a partir de agora com esta receita de creme pasteleiro em cinco minutos já não ficará nenhuma receita na gaveta sem fazer.

Ingredientes para meio litro de creme pasteleiro

  • 500 ml de leite a temperatura ambiente, 2 gemas de ovos, 6 colheradas de sopa de açúcar, 50 g de maisena, 1 colherada de sopa de baunilha.

Ler todo oartigo »

0 

28Maio2011

Frango em saco para assar

Postado por na categoria: Principais; Técnicas.

Esta receita surgiu de um descuido. Quando uma cozinheira deixou por quatro horas um frango dentro de um saco para assar. Desse jeito o frango se cozinhou a 150º, dando como resultado uma carne suave e muito saborosa. Este tempo pode se aplicar a muitas preparações variando os ingredientes com os que acompanharem o frango.


Ingredientes para quatro pessoas

Um frango de uns dois quilos, ervas aromáticas, sal grossa, um copo de 100 ml de vinho branco, aceite de oliva, um saco para assar com fecho.

Ler todo oartigo »

1 

14Março2011

Cozinha molecular: Alquimistas de sabores

Postado por admin na categoria: Técnicas.

Mãos experientes misturam in­gredientes frescos e naturais para que sejam submetidos a baixas ou altas temperaturas, para se tornarem líquidos, sólidos ou espessos, para perderem as suas cores e for­mas originais e adquirirem outras. Os sabores se encontram, os limi­tes entre o salgado e o doce vão se dissipando e as propostas com um toque artístico brotam da criatividade dos cozinheiros mais conceituados do mundo. Agora, além de eles se sentirem satisfeitos por servir pratos que revolucionam o paladar dos clientes, também desenvolve uma nova e tecnoló­gica concepção de cozinha. Os muitos fenômenos físicos e químicos que acontecem entre o fogo e as panelas começaram a ser estudados, na década de 80, por dentistas interessados em revelar os mistérios culinários.

A “cozinha molecular”, como esta disciplina é chamada, analisa as transformações dos alimentos naturais e as reações químicas que são produzidas neles. “Tratou-se de um movimento que incluía dentistas como Nicholas Kurti, Harold McGee e Hervé This, que queriam encontrar a explicação para estas reações, uma prática que há décadas se produzia na indústria de alimentos, mas apresentava a novidade de se concentrar na cozinha”, expli­ca o chef espanhol Ferran Adria, em frente ao El Bulli, considerado o melhor restaurante do mundo. Mais à vontade com a definição “cozinha tecnoemocional”, Adrià é uma das referencias desta nova e polêmica tendência que já conquistou a Europa e abre caminho na América Latina por meio do restaurante D.O.M., em Sao Paulo, e do Moreno, que será inaugurado em breve em Buenos Aires.

Laboratório hedonista

Ler todo oartigo »

0 

Navegar

Calendário

Julho 2017
S T Q Q S S D
« Abr    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Categorias

Links